HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
PRETENDENTES
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
CONTATO
NOTÍCIA
10 nov 2016 - 11:07
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

Publicação apoiada pelo MCTIC aborda o uso e armazenagem de biodiesel

O livro apresenta soluções de problemas relacionados à cadeia produtiva do biocombustível


Nesta quarta-feira (9), foram lançadas duas publicações apoiadas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC): "Estratégias de Inovação como Vetor de Desenvolvimento do Brasil: políticas públicas para parques tecnológicos e incubadoras de empresas" e "Armazenagem e Uso de Biodiesel: problemas associados e formas de controle". O evento aconteceu na sede do MCTIC, em Brasília (DF).





De acordo com o coordenador-geral de Serviços Tecnológicos do MCTIC, Jorge Mario Campagnolo, um dos desafios a serem enfrentados pelos parques tecnológicos e incubadoras de empresas é o desenvolvimento de ambientes propícios para a promoção de uma cultura de empreendedorismo inovador. Além disso, ele defendeu o incentivo à cooperação entre as empresas e as universidades.

"Para isso, é preciso haver uma parceria de fato, trabalho conjunto, e não apenas um papel assinado pelo reitor", afirmou Campangolo, um dos organizadores da obra, ao lado dos pesquisadores Eliza Coral e Leandro Carioni, da Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (Certi).

Com gráficos e fotos, "Estratégias de Inovação como Vetor de Desenvolvimento do Brasil: políticas públicas para parques tecnológicos e incubadoras de empresas" apresenta dados sobre os sistemas internacionais de inovação, fazendo uma análise do impacto das políticas públicas voltadas para parques tecnológicos e incubadoras de empresas.

Biodiesel

Já o livro "Armazenagem e Uso de Biodiesel: problemas associados e formas de controle" é fruto de uma parceria entre o MCTIC, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (Setec), e a Rede Brasileira de Tecnologia de Biodiesel que tem por objetivo apresentar soluções de problemas relacionados à cadeia produtiva do biocombustível, além de agregar conhecimento e fortalecer a literatura técnico-científica da área. O principal desafio a ser superado, segundo a publicação, é a formação indesejada de borras durante a estocagem do composto. A obra apresenta técnicas para superar este problema.


Fonte: MCTIC
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
09 abr 2021

Ministro do Meio Ambiente reafirma compromisso com o biodiesel

+
SAIBA MAIS
09 abr 2021

Setor aponta impactos que a redução da mistura de biodiesel representa para toda a cadeia produtiva

+
SAIBA MAIS
09 abr 2021

NOTA DE IMPRENSA CONJUNTA MME/MAPA - 79º Leilão de Biodiesel (L-79)

+
SAIBA MAIS
08 abr 2021

MME participa de webinar sobre o impacto positivo na saúde humana com o uso de biocombustíveis nos transportes

+
SAIBA MAIS
08 abr 2021

Produtoras de biocombustível emitiram 26,28 milhões de CBios na safra 2020/21

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-911 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO