HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
VÍDEOS
CONHECA O BIODIESEL
CONTATO
NOTÍCIA
23 abr 2023 - 12:13
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

MME reforça protagonismo brasileiro na transição energética em reunião do G20

Ministério de Minas e Energia (MME) representou o Brasil na 2ª reunião do Grupo de Trabalho de Transições Energéticas (ETWG) do G20, agora sob a presidência da Índia, nos dias 2 e 3 de abril. O grupo se reuniu na cidade indiana de Gandhinagar e debateu o desenvolvimento de políticas e estratégias para apoiar a transição global para fontes de energia limpas e sustentáveis.


A participação brasileira foi destaque em todos os debates, devido ao protagonismo nacional nos temas levantados pelas delegações dos países do G20. São eles: as lacunas tecnológicas e o financiamento de baixo custo para a transição energética; segurança energética e cadeias de abastecimento diversificadas; eficiência energética, transições industriais de baixo carbono e consumo responsável; combustíveis para o futuro e o acesso universal à energia limpa.


“São debates que permitem ampliar a cooperação internacional com a redução das emissões de gases de efeito estufa e ampliação do acesso de energia limpa, consideradas prioridades do Governo do presidente Lula. Com esse esforço conjunto, garantiremos uma transição energética justa, acessível e inclusiva, permitindo que ninguém seja deixado para trás neste importante processo”, destacou o ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, sobre a participação do Brasil neste GT do G20.


Um dos temas destacados foi a ampliação do uso de bioenergia para que os países possam atingir as metas climáticas de descarbonização. O diretor do Departamento de Informações e Estudos Energéticos, da Secretaria de Planejamento e Transição Energética do MME, Gustavo Masili, representou o país no evento e destacou a experiência brasileira nesse sentido.


“No Brasil, a bioenergia nunca foi deixada de lado. A bioenergia moderna e sustentável é a fonte de energia limpa mais importante em nosso país. Para ser preciso, corresponde a um terço da oferta total de energia. É uma das principais razões pelas quais temos, de longe, a matriz energética mais renovável de todas as grandes economias do mundo”, destacou Masili.


Na ocasião, foi proposta a formação da Aliança Global de Biocombustíveis, que recebeu amplo apoio dos países membros. Para o Brasil, este foi um passo importante para alcançar as metas de descarbonização, bem como promover um crescimento econômico social, especialmente em países em desenvolvimento, com a criação de empregos de alta qualidade nas regiões produtoras.


Ampliação das “tecnologias limpas”


Uma das prioridades do GT foi a implantação de tecnologias limpas, como a energia solar fotovoltaica e a energia eólica. Nesse sentido, o Brasil foi visto como um importante colaborador para as discussões do grupo e um potencial parceiro em futuras colaborações em questões de energia sustentável. Atualmente, mais de 85% da matriz elétrica é de fontes renováveis, como hidrelétrica, eólica e solar, o que a torna uma das matrizes mais renováveis do mundo.


Luz para Todos


Sobre a questão do acesso universal à energia limpa, foi ressaltado o sucesso brasileiro com um dos maiores programas globais de inclusão e acesso à energia elétrica: o Luz para Todos. Criado em 2003, no governo do presidente Lula, o programa oferece 100% de cobertura de energia elétrica em áreas urbanas e 98% em áreas rurais. O representante do MME, Gustavo Masili, afirmou aos participantes que o exemplo brasileiro pode ser replicado no mundo, em que quase 733 milhões de pessoas ainda não tem acesso à eletricidade.
“Trata-se de um dos maiores programas globais de inclusão e o Brasil está empenhado em trabalhar ao lado do G20 para fornecer esse exemplo de acesso universal à energia limpa e justa”, destacou Masili. Também foi compartilhada a experiência do programa em levar fornecer energia renovável para famílias em áreas remotas da região da Amazônia.


Eficiência Energética


Sobre a eficiência energética, por exemplo, foram ressaltadas as políticas como a Lei Nacional de Eficiência Energética para estimular o desenvolvimento tecnológico, tornar produtos e serviços mais eficientes e preservar o meio ambiente. Também foram compartilhadas experiências do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel) e o Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), que têm como foco a promoção da eficiência energética no setor industrial, um dos mais intensivos em energia do país.
Para o Brasil, a eficiência energética é uma das prioridades, uma vez que é instrumento de segurança energética, que traz previsibilidade, planejamento e racionalidade no uso de um recurso energético.


Mais sobre a ETWG


A 2ª reunião do Grupo de Trabalho de Transições Energéticas (ETWG) do G20 contou com a participação de mais de 100 delegados de países membros do G20, 10 países convidados especiais e 14 organizações internacionais. Os participantes também avançaram nas negociações para que o G20 apresente roadmap para financiamento de baixo custo para a transição energética em países em desenvolvimento e para colaboração em minerais críticos. Uma reunião ministerial do G20 está programada para ser realizada na cidade de Goa em julho deste ano, onde devem ser apresentadas as metas definidas a partir das reuniões do GT.


Fonte: MME

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
15 jul 2024

Produção de etanol e de biodiesel volta a crescer e bate recorde

+
SAIBA MAIS
15 jul 2024

Descubra como é feito o biodiesel

+
SAIBA MAIS
15 jul 2024

ANP aprova comercialização de bunker com biodiesel pela Petrobras

+
SAIBA MAIS
12 jul 2024

ANP autoriza comercialização de combustível marítimo com biodiesel

+
SAIBA MAIS
12 jul 2024

Reforma tributária: relatório garante diferencial entre combustível fóssil e biocombustível

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-001 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO