HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
VÍDEOS
CONHECA O BIODIESEL
CONTATO
NOTÍCIA
16 jun 2022 - 23:07
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

MCTI lança chamada de R$ 50 milhões para desenvolvimento de combustíveis sustentáveis

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) lançou nesta quarta-feira (15), uma chamada pública no valor de R$ 50 milhões para incentivar o desenvolvimento de combustíveis sustentáveis como bioquerosene para aviação, hidrogênio verde, biometano e biodiesel. Com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), a chamada da FINEP, empresa pública do MCTI, vai investir na inovação do setor nos diferentes modais de transporte.


Os “combustíveis verdes” são obtidos a partir de matérias primas sustentáveis ou de resíduos que possam propiciar a redução das emissões de poluentes e de gases do efeito estufa e a sustentabilidade em toda a cadeia de produção e uso.


“Estamos fazendo mais uma entrega por encomenda do presidente Jair Bolsonaro. Estamos aqui numa aliança dentro do governo entre o MCTI, o Ministério do Meio Ambiente e o Ministério de Minas e Energia. Ações como esta contribuem para que tenhamos um país cada vez mais sustentável, inclusivo e com soluções nacionais”, declarou o ministro do MCTI, Paulo Alvim.


O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite também destacou a importância desta chamada pública para o desenvolvimento sustentável do país. “Buscamos sempre soluções climáticas lucrativas para as pessoas, para o meio ambiente. O grande desafio global rumo a neutralidade climática até 2050 é um combustível 100% neutro. E esse combustível nos parece ser o hidrogênio verde. Mas para que isso vire realidade nós precisamos de muita ciência por trás desse processo e essa chamada é muito importante pois vai fomentar esse combustível do futuro”, afirmou Leite.


Poderão participar empresas brasileiras de qualquer porte, individualmente ou em parceria com outras empresas brasileiras, bem como Instituições Científicas e Tecnológicas (ICTs), que somente poderão participar como prestadoras de serviços para as empresas proponentes e coexecutoras.


Fonte: MCTI

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
29 jun 2022

BSBIOS e Embrapa desenvolverão cereais de inverno para produção de etanol

+
SAIBA MAIS
29 jun 2022

Fórum Nacional discute oportunidades para o Trigo

+
SAIBA MAIS
27 jun 2022

Biocombustíveis serão tema de debates no Fórum Nacional do Trigo

+
SAIBA MAIS
27 jun 2022

Mapa Interativo dos Mandatos de Teor de Biocombustíveis Líquidos do Setor de Transportes no Mundo

+
SAIBA MAIS
27 jun 2022

RenovaCalc vai incorporar o óleo de palma na rota de biodiesel

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-001 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO