HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
PRETENDENTES
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
CONHECA O BIODIESEL
CONTATO
NOTÍCIA
03 set 2021 - 10:00
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

A sustentabilidade está no DNA da agricultura brasileira

Impulsionado pelo desenvolvimento e a adoção de tecnologia agrícola, o Brasil caminha rapidamente para alcançar os objetivos do desenvolvimento sustentável


Toda a atividade humana interfere no meio ambiente. A simples construção de uma casa, por exemplo, pode alterar as condições do solo local, aumentar o consumo de água, empregar materiais potencialmente poluentes e produzir lixo. No entanto, como não há cavernas naturais suficientes para alojar os 7,79 bilhões de pessoas que habitam o planeta, os seres humanos precisam fazer seus abrigos.


Como satisfazer as necessidades da população por alimento, água, energia, moradia, transporte e bens de consumo e, ao mesmo tempo, preservar os recursos naturais essenciais tanto para os processos produtivos quanto para a preservação do planeta tem sido objeto de incontáveis estudos e pesquisas científicas.


Frente a um período de maior discussão sobre a agenda climática com o retorno dos Estados Unidos no Acordo de Paris, o olhar para o Brasil foi intensificado. Afinal, é difícil passar desapercebido sendo um gigante da biodiversidade e ao mesmo tempo, um grande provedor de alimentos e fibras.


A Convenção Sobre Diversidade Biológica (CDB) é o primeiro tratado mundial sobre a utilização sustentável, conservação e repartição equitativa dos benefícios derivados da biodiversidade, que foi assinado por 156 países durante a ECO92 no Rio de Janeiro.


Um marco inquestionável desse acordo é o reconhecimento global de que a conservação do meio ambiente é uma preocupação comum da humanidade e parte integrante do processo de desenvolvimento.


O agronegócio brasileiro já superou fases de investimentos em pesquisa e desenvolvimento que fizeram o país sair, em poucas décadas, da posição de importador a exportador de alimentos. Atualmente, a nova fase é impulsionada pela “sustentabilidade” nos sistemas produtivos. No entanto, é preciso reconhecer que mesmo que a prioridade do passado não tenha sido nessa direção, a jornada rumo à sustentabilidade na produção agrícola do Brasil já foi iniciada.


O Brasil, como país megadiverso e com a maior floresta tropical do mundo, possui grande relevância ao ser responsável por serviços ecossistêmicos que promovem bem-estar à população global.


Simultaneamente, é uma potência agrícola, em grande parte, pelo seu território, clima, expertise e adoção de tecnologias que resultam em alta produção de alimentos para um número crescente de pessoas em todo o mundo.


Nada disso acontece sem muito esforço e melhorias constantes de processos, mas, não faltam iniciativas no setor agrícola brasileiro que revelam uma trajetória aliada à sustentabilidade e conectada ao momento atual:


- O Brasil adota práticas sustentáveis vinculadas ao chamado “Plano ABC (Agricultura de Baixo Carbono)”, renovado até 2030 sob a denominação de Plano ABC+;


- A diversidade da matriz energética brasileira foi iniciada na década de 70 com o ProÁlcool e evoluiu para o RenovaBio, promovendo o desenvolvimento e uso de biocombustíveis. O que resultou em 17% da matriz energética proveniente da cana-de-açúcar;


- O país reúne diversas iniciativas de descabornização da agricultura e pecuária, a exemplo da carne carbono neutro produzida no sistema Integração Lavoura- Pecuária Floresta (ILPF) e a certificação da soja de baixo carbono com a adoção de práticas como fixação biológica de nitrogênio (FBN) e o manejo integrado de pragas (MIP);


- O agronegócio contempla área florestal dentro da propriedade, resultante da implementação do Código Florestal. Exemplo único de regulamentação que determina um percentual de reserva legal de 80% na Amazônia Legal, 35% nos cerrados e 20% no restante do país.


- O estímulo à inovação está presente em programas que promovem o uso eficiente de recursos e geração de informações para a tomada de decisão pelo agricultor.


É inegável que o Brasil tem inúmeros desafios a serem superados, mas, reúne expertise e histórico de soluções para uma agricultura tropical que o permite se destacar como potência sustentável no planeta.


A agenda global orientada pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS) é uma excelente oportunidade para um diálogo positivo e de reconhecimento das potencialidades agrícolas do país na complexa equação de abastecer o mundo sem esgotar o planeta.


*Christian Lohbauer é presidente executivo da CropLife Brasil, associação que atua na pesquisa e desenvolvimento de tecnologias nas áreas de germoplasma, biotecnologia, defensivos químicos e produtos biológicos.


Fonte: Revista Gobo Rural

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
17 set 2021

Enquanto Brasil reduz, consumo de biocombustível no mundo crescerá 8%

+
SAIBA MAIS
17 set 2021

Mudança do clima: aumento das temperaturas e redução das chuvas são observadas e projetadas no Centro-Oeste

+
SAIBA MAIS
16 set 2021

Líderes mundiais vão discutir mudanças climáticas na ONU

+
SAIBA MAIS
15 set 2021

‘Redução na mistura de biodiesel gera incerteza e preocupa o setor’

+
SAIBA MAIS
15 set 2021

A troca de 100 mil empregos por R$ 0,02

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-911 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO