HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
PRETENDENTES
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
VÍDEOS
CONHECA O BIODIESEL
CONTATO
NOTÍCIA
12 dez 2016 - 09:38
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

Comissão debaterá resultados e futuro do acordo do clima

O Acordo de Paris, firmado em dezembro de 2015, estabelece mecanismos para que os países signatários limitem as emissões de poluentes com vistas conter o aumento da temperatura global em menos de dois graus célsius. O compromisso do Brasil é cortar 37% das emissões de gases de efeito estufa até 2025, com indicativo de atingir o percentual de 43% até 2030.

Outras metas assumidas pelo país são aumentar em 45% a participação de energias renováveis na composição da matriz energética nos próximos 15 anos, sendo que a parcela da bioenergia sustentável na mesma matriz deve crescer aproximadamente 18%.  É ainda incumbência do Brasil restaurar e reflorestar 12 milhões de hectares de florestas.

As regras para facilitar a implementação dessas obrigações foram firmadas na Convenção das Partes das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, COP-22, realizada em novembro em Marrakesh, no Marrocos. Os resultados do encontro vão ser discutidos nesta terça-feira (13), em audiência pública interativa da Comissão de Mista Permanente Sobre Mudanças Climáticas (CMMC) marcada para começar às 11h.

Foram convidados  para o debate os embaixadores do Reino de Marrocos, Nabil Adghoghi; de Fiji, Cama Tuiqilaqila Tuiloma; da França, Laurent Bili, e da Alemanha, Johann Georg Michael Witschel. Dez outros embaixadores também estarão presentes na audiência, como os da União Europeia, João Gomes Cravinho; de Angola, Nelson Manuel Cosme, e de Portugal, Jorge Tito  Vasconcelos Nogueira Dias Cabral.

A reunião é uma iniciativa do relator da comissão, senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE). Ele destaca que, para o Ministério do Meio Ambiente, o documento elaborado na COP-22 representa um 'ponto de partida' para implementação do acordo firmado em Paris. O senador acredita igualmente que é preciso iniciar as discussões dos desafios futuros propostos para o clima. A próxima COP já está marcada para 2017, na cidade de Bonn (Alemanha), que abriga a sede da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC).

A audiência pública da Comissão de Mudanças Climáticas  será no plenário 2, da Ala Nilo Coelho. Os cidadãos podem participar interativamente do debate com sugestões e perguntas enviadas ao e-cidadania. O contato também pode ser feito por meio de telefonema ao Alô Senado (0800 612211) ou envio de mensagem.

Fonte: Agência Senado
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
19 mai 2022

Decreto cria mercado regulador de crédito de carbono no Brasil

+
SAIBA MAIS
19 mai 2022

ONU lança plano para impulsionar uso de energias renováveis

+
SAIBA MAIS
19 mai 2022

Por que engolimos o que a indústria petroleira e os ambientalistas nos dizem?

+
SAIBA MAIS
18 mai 2022

O biodiesel pode ajudar a combater as desigualdades de saúde em comunidades carentes de Justiça Ambiental

+
SAIBA MAIS
18 mai 2022

Dez países que estão recuando nas políticas para biocombustíveis

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-001 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO