HOME
ASSOCIAÇÃO
QUEM SOMOS
ASSOCIADAS
PRETENDENTES
LEGISLAÇÃO
SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL
RENOVABIO
ESTUDOS TÉCNICOS
PNPB
LEGISLAÇÃO
MERCADO
SUSTENTABILIDADE
NOTÍCIAS
CONTATO
NOTÍCIA
13 set 2017 - 07:45
COMPARTILHAR
Compartilhar - Linkedin
Compartilhar - Facebook
Compartilhar - Twitter

Biodiesel ajuda melhorar a qualidade do ar no parque nacional mais visitado dos EUA

Visitado por mais de 11 milhões de pessoas por ano (de acordo com a National Geographic ), o Parque Nacional Great Smoky Mountains, no Tennessee, é uma visão de beleza natural espetacular, que trabalha ativamente para reduzir sua pegada ambiental.

"Implementamos por aqui uma estratégia abrangente para limitar nosso impacto ambiental e reduzir as emissões de carbono. O biodiesel faz parte disso", disse Brian Bergsma, vice-chefe de gerenciamento de instalações do parque, ao US National Biodiesel Board (NBB).

Em 2016, o parque usou 43,085 galões de biodiesel (B20), o que resultou em uma redução de 15% no dióxido de carbono, 12% no monóxido de carbono, 20% tanto em hidrocarbonetos como em dióxido de enxofre e 12% no material particulado, de acordo com a Calculadora de Emissões da NBB.

O parque começou a usar misturas de biodiesel para adquirir veículos e equipamentos de parque elétrico em 2003, e o combustível já foi amplamente utilizado em todo o parque desde 2006. Agora, o B20 é usado para alimentar 40 equipamentos distribuidos em todo o parque nacional.

"Nós nos esforçamos constantemente para demonstrar e incorporar tecnologias que resultarão em um ar mais limpo", disse Bergsma. "Isso inclui combustíveis alternativos, veículos elétricos e estações de carga, sistemas fotovoltaicos e construção de edifícios mais ecológicos".

Em um comunicado de imprensa da NBB, Bergsma explica como o biodiesel serve o parque de forma confiável há vários anos: "Utilizamos misturas de biodiesel de forma consistente desde 2006 e tivemos imprevistos pequenos ou praticamente inexistentes. O biodiesel de Great Smoky Mountains é feito de gordura reutilizada ou óleo de soja,  estamos felizes em utilizar essa fonte de combustível para reduzir nossos impactos no meio ambiente, aterros sanitários, etc. "

Para acessar a publicação original clique aqui.

Fonte: Biofuels International
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
29 mai 2020

Bioenergia e bioeconomia: é preciso manter o rumo certo

+
SAIBA MAIS
28 mai 2020

Curso sobre mudanças climáticas online e gratuito é lançado pela ONU

+
SAIBA MAIS
28 mai 2020

Desafio de universalizar acesso une instituições públicas e privadas

+
SAIBA MAIS
28 mai 2020

Mercado Biocombustíveis de aviação 2020: Novo relatório sobre a situação atual e o crescimento esperado no futuro

+
SAIBA MAIS
28 mai 2020

União Europeia lança plano de recuperação econômica com incentivos verdes

+
SAIBA MAIS
TODAS AS NOTÍCIAS
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 – cj. 91
Jardim Paulistano
01452-911 – São Paulo/SP
+55 11 3031-4721
APROBIO