17 de setembro de 2019

Compartilhar , , Google Plus , Pinterest ,

Imprimir

Posted in:

BirthStrikers, o grupo que se recusa a ter filhos frente o aquecimento global

É fundamental que olhemos para os problemas ambientais ocorrendo por efeito da ação humana com a dimensão apocalíptica que eles e a ciência de fato sugerem para nosso futuro. Recentemente a congressista estadunidense Alexandria Ocasio-Cortez levantou a questão sobre o quão irresponsável não seria continuarmos a ter filhos diante do sombrio cenário catastrófico que se anuncia para o planeta. Pois um grupo fundado na Inglaterra responde ao questionamento de Alexandria Ocasio-Cortez de forma clara e contundente: para eles, ninguém deveria mais procriar.

Formado por cerca de 200 membros, o BirthStrike (Greve de Nascimentos, em tradução livre) foi fundado pela cantora britânica Blythe Pepino, e não visa resolver o problema do aquecimento global através da greve, mas sim através do movimento espalhar a realidade e as informações sobre a crise ambiental atual. O propósito é comunicar a gravidade do efeito humano sobre o meio-ambiente, desencorajando as pessoas a terem filhos por completo.

A cantora Blythe Pepino, líder do movimento

A congressista Alexandria Ocasio-Cortez

Trata-se de um interessante modelo que, diante da gravidade da questão, se afirma como o mínimo para que possamos salvar literalmente tudo que temos – ou o próprio planeta em que vivemos, e onde viverão (ou viveriam) nossos filhos e netos.

Fonte: Hypeness

Assine nossa newsletter e tenha acesso as principais notícias do setor


aprobio@aprobio.com.br
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 - Conj. 91 - Jd. Paulistano - 01452-911 - São Paulo - SP - Tel: 55 11 3031- 4721

Back to Top