21 de maio de 2019

Compartilhar , , Google Plus , Pinterest ,

Imprimir

Posted in:

Brasil segue fazendo pequenas exportações de biodiesel

As usinas brasileiras continuam tateando atrás de uma brecha que permita abrir o mercado de exportação para o produto brasileiro. Segundo dados levantados pelo Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) sobre as vendas externas do país, durante o mês de fevereiro mais 39,1 toneladas de biodiesel foram enviadas para os Estados Unidos.

Embora esse não seja exatamente um volume dos mais impressionantes, as exportações vêm se sucedendo com boa regularidade. De outubro até agora não houve um único mês sem que fossem registradas saídas de biodiesel. Ao todo, foram feitos sete embarques ao longo desse período, em cinco tendo os EUA como destino e dois para a Alemanha.

No total, as vendas nesses meses ultrapassam a marca de 214,5 toneladas e movimentaram US$ 382,1 mil. O maior negócio unitário aconteceu no mês passado quando uma carga de 97,4 toneladas saiu do Porto de Santos com destino ao mercado norte-americano.

Este mês tivemos, portanto, uma queda de quase 60% no volume exportado. O valor recebido foi de US$ 68,3 mil. A tonelada do biodiesel brasileiro, portanto, foi comercializada por US$ 1.746,10 – aproximadamente R$ 6.715,85 pelo câmbio desta segunda-feira.

Exceto por curtos períodos entre 2013 e 2015, a indústria nacional de biodiesel não teve sucesso no mercado internacional. Tanto que as vendas realizadas nos dois primeiros meses de 2019 bastam para tornar este ano o de melhor resultado desde 2015 quando as exportações de biodiesel passaram um pouco das 10,3 mil toneladas.

Fonte: BiodieselBR

Assine nossa newsletter e tenha acesso as principais notícias do setor


aprobio@aprobio.com.br
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 - Conj. 91 - Jd. Paulistano - 01452-911 - São Paulo - SP - Tel: 55 11 3031- 4721

Back to Top