22 de maio de 2019

Compartilhar , , Google Plus , Pinterest ,

Imprimir

Posted in:

Preço do farelo de soja sobe e receitas evoluem 12% em abril

Exportações de básicos sobem para US$ 34,5 bi até abril, 3% mais do que em igual período de 2017

Os preços das principias commodities exportadas pelo Brasil estão em queda neste ano. Mesmo assim, devido ao aumento nos volumes exportado de alguns produtos, as receitas obtidas de janeiro a abril superam as de igual período de 2017.

As exportações de básicos subiram para US$ 34,5 bilhões até abril, 3% mais do que em igual período de 2017, segundo dados da Secex (Secretaria de Comércio Exterior).

Dois dos principais produtos da balança comercial do país, entretanto, conseguiram preços melhores neste ano. São soja e petróleo.

Já o minério de ferro, o terceiro da lista, teve retração de 1% nos valores médios de janeiro a abril, em relação a igual período do ano passado.

As exportações de soja, líder da balança, atingiram 10,3 milhões de toneladas no mês passado, com receitas de US$ 4,1 bilhões. No acumulado do ano, os exportadores arrecadaram US$ 9,2 bilhões, um valor estável em relação ao de 2017.

Um dos destaques no mês passado foi a exportação de farelo de soja. O volume enviado para o exterior ficou estável, mas a queda de produção da soja na Argentina provocou alta de 12% nos preços internacionais do farelo. Com isso, o produto foi o quarto mais bem colocado no ranking da balança nacional, superando as receitas com carne de frango “in natura”, segundo a Secex.

O setor de fumo, que teve um início de ano complicado em 2017, mantém boa recuperação neste. As receitas dos primeiros quatro meses somaram US$ 565 milhões, 99% mais do que em igual período de 2017.

Comercialização

Os produtores de soja já venderam 64% da produção da safra 2017/18, segundo acompanhamento da AgRural. Mato Grosso comercializou 78%, e Paraná, 54%.

Menos milho

A INTL FCStone revisou para baixo a safrinha de milho deste ano. Na avaliação da consultoria, serão produzidos 60,5 milhões de toneladas do cereal, 2,6 milhões menos do que a empresa previa no mês anterior.

Mais soja

Já a produção de soja deverá atingir 117 milhões de toneladas, 1 milhão a mais do estava previsto no mês passado.

Fonte: Folha de S.Paulo

Assine nossa newsletter e tenha acesso as principais notícias do setor


aprobio@aprobio.com.br
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 - Conj. 91 - Jd. Paulistano - 01452-911 - São Paulo - SP - Tel: 55 11 3031- 4721

Back to Top