18 de janeiro de 2018

Compartilhar , , Google Plus , Pinterest ,

Imprimir

Posted in:

Medida para redução das ‘retenciones’ sobre as exportações de soja da Argentina já está em vigor

Já está em vigor na Argentina a medida que irá reduzir em 0,5% mensalmente a alíquota para exportação de soja e subprodutos do país. A redução, que faz parte do decreto 1343/2016, foi publicada no Diário Oficial da Argentina nesta terça-feira (2) e vale até dezembro de 2019, segundo informações da agência Estadão Conteúdo.

Essa foi uma das primeiras ações efetivas para o agro do presidente Maurício Macri ao assumir o governo em 2016. E com ela, no último mês do ano que vem, as chamadas ‘retenciones’ para a soja em grão serão de 18%, contra 30% em dezembro de 2017. Para farelo e óleo, os impostos deverão ser cortados até chegarem a 15%.

Um dos principais objetivos de Macri ao seguir apoiando essa medida é de aumentar a competitividade das commodities agrícolas argentinas, uma vez que o país é o maior produtor e exportador mundial de farelo e óleo de soja.

E assim, na avaliação do Ministério da Agroindústria, o incentivo traz melhores perspectivas, principalmente a longo prazo, para o agro argentino.

“Essa redução é apenas uma de uma série de medidas tomadas nos últimos dois anos para aumentar a competitividade e previsibilidade do setor”, diz uma nota do governo. As taxações já caíram, desde que Macri assumiu, de 35% para 29,5% agora. A maior preocupação em relação à alíquota, porém, é seu impacto na arrecadação fiscal do país.

Com informações do Estadão Conteúdo e Reuters Internacional

Por: Carla Mendes
Fonte: Notícias Agrícolas

FIQUE SABENDO DE NOSSAS NOVIDADES


aprobio@aprobio.com.br
Av. Brigadeiro Faria Lima, 1903 - Conj. 91 - Jd. Paulistano - 01452-911 - São Paulo - SP - Tel: 55 11 3031- 4721

Back to Top